Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
11/09/13 às 21h07 - Atualizado em 29/10/18 às 12h17

Por uma infância sem racismo – Ouvidores participam de ação em prol da promoção da igualdade

Nesta terça-feira, 10/09, Secretários de Estado do Governo do Distrito Federal, ouvidores, integrantes de Organizações em prol dos direitos humanos, alunos e professores da rede pública do DF estiveram reunidos na Escola de Aperfeiçoamento dos Profissionais da Educação do Distrito Federal com o objetivo de ampliar o diálogo sobre o racismo institucional.

 

A proposta foi uma palestra sobre Educação Étnico-Racial, ministrada pela professora Maria do Carmo Barbosa Galdino, especialista em educação, raça e etnia, que vai falar sobre a construção e promoção da identidade negra.

 

Representando a Rede de Ouvidorias estavam presentes os ouvidores da Secretaria Especial da Promoção da Igualdade Racial (Sepir), Jacira da Silva, e da Secretaria de Justiça, Hilton Sacerdote.

O encontro começou com a apresentação da Banda Afro Axé Dudu e seguiu com os discursos das autoridades.

“Se queremos construir um DF sem racismo, nós temos que ter iniciativa de trabalhar esta temática nas escolas”, pontuou o secretário de Igualdade Racial, Viridiano Custódio”. 

Para a secretária de Políticas de Ações Afirmativas da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, Ângela Maria do Nascimento, “trabalhar por uma infância sem racismo significa trabalhar por um país desenvolvido”.

Ângela também pontuou que as políticas de promoção da igualdade a partir da infância são motor para a elaboração de políticas públicas de várias áreas.

A secretária-Adjunta da Secretaria Nacional de Juventude da Presidência da República, Ângela Guimarães, pontuou que “o racismo cria obstáculos para que as crianças e adolescentes negros exerçam a sua cidadania”.

“Desde 2010, no lançamento da campanha, nós assumimos o compromisso de garantir que as crianças vivam sem preconceito e este ano o DF surpreendeu por atuar desta forma integrada”. Representante do Fundo das Nações Unidas para a Infância – Unicef, Casimira Benge.

A assessora da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, Deise Benedito, foi enfática ao afirmar que “é necessário desconstruir o preconceito em sala de aula” e chamou atenção para a importância de que a população participe do Fórum Mundial de Recursos Humanos.

Já o secretário de Desenvolvimento Social e Transferência de Renda, Daniel Seidl, e a secretária da Criança, Rejane Pitanga, pontuaram sobre a importância do trabalho em conjunto dos órgãos visando à elaboração de políticas públicas em conjunto.

Por uma infância sem racismo

A atividade integra as ações estabelecidas no protocolo de intenções, assinado entre a Secretaria da Criança, de Promoção da Igualdade Racial, Educação, Cultura, Saúde, Desenvolvimento Social, Justiça Direitos Humanos e Cidadania, Secretaria da Mulher, Codeplan e o Fundo das Nações Unidas para Infância (UNICEF), da Campanha Por Uma Infância sem Racismo.

O conjunto de ações que compõem a campanha tem o objetivo de fomentar a mobilização social, assegurando o respeito e a igualdade étnico-racial desde a infância.

 

JaciraeSacerdote

 

Ouvidoria Geral do Distrito Federal - Governo do Distrito Federal

Anexo do Palácio do Buriti, 12º andar, sala 1203. - CEP: 70075-900 Telefone: 162